Sobre a falta de sentido na vida

Olá!

de novo, parabéns. A maioria das pessoas leva bastante tempo se conformando que se tentar me enganar o pau vai comer rss. Obrigada pela confiança. Se eu sentisse que você não está sendo sincero, nossa conversa nem iria pra frente. Eu me sinto perdendo tempo com pessoas que não me falam sobre coisas importantes pra elas.

E de novo vou responder no blog em vez de só por email, porque os temas podem interessar a outras pessoas.

Vida estagnada. Busca por objetivos, significância, sentido. São questões fundamentais pro ser humano, e que no geral ficam mascaradas por um formato padrão do que deve ser uma vida: estude, arrume um emprego, case, tenha filhos. Criar filhos é algo tão extenuante durante 20 anos que em geral você nem tem como parar pra pensar sobre sua vida. A maioria das pessoas tem que trabalhar muito pra poder criar bem os filhos, e mesmo quem não precisa trabalhar muito, fica mergulhado no prazer de acompanhar o desenvolvimento físico e emocional daquela pessoinha.

A questão do emprego não é apenas sobrevivência. Muitas pessoas podem se dedicar bastante ao trabalho porque o sucesso profissional é uma das principais formas da sociedade te julgar. Seu salário, seu cargo, suas responsabilidades.

Ok. E o que fazem as pessoas que não precisam ter sucesso profissional pra se sentirem realizadas, que não têm grandes ambições de dinheiro, que casaram mas não querem ter filhos, ou mesmo aquelas que não casaram, não juntaram, e nem têm certeza de que a vida só faz sentido se você casar?

Misantropos, introvertidos, niilistas e outros filhos-da-puta como nós que pensam demais e acham que não precisam fazer o que todo mundo faz, que não existe obrigação de tais e tais coisas. Que não existe obrigação de nada, exceto a de seguir os valores morais que você determina como os seus.

Somos as pessoas que precisam descobrir seu próprio caminho.

Como se faz isso? Você está no caminho certo. Experimentando. Os esportes, atividades radicais são ótimas iniciativas.

Já ouviu falar do Joseph Campbell? Ele é famoso por O Poder do Mito, mas não se incomode em ir atrás do livro. Meu melhor amigo me falou que o livro é chato, e as melhores partes são aquelas que circulam pela internet como citações. Faça uma pesquisa. Ele fala coisas que minha alma nipôamericana concorda totalmente. A ideia de que o seu coração vai te guiar. Sua alegria vai te dizer. Você encontrará seu caminho quando experimentar coisas ou conhecer pessoas que farão você se sentir como nunca se sentiu antes.

Viver só se aprende vivendo. Você tomou uma boa decisão em decidir vencer medos e experimentar mais, continue assim. Acredito que é possível de repente encontrar uma atividade que vai te realizar. Um dos esportes radicais, ou rodar pelas estradas de moto nos fins de semana.

Mas acho improvável.

Você é muito novo, não pode ir pra fase de lobo solitário. Sim, estou falando de companhia, romance, aventura. Você sabe que ser misantropo não significa que você não precisa de ninguém, e sim que você é bastante seletivo sobre com quem você se relaciona. Mas todo mundo precisa de companhia. Todo mundo precisa se sentir querido, conectado.

Ninguém tem obrigação de casar e ser feliz pra sempre. Mas todo mundo deveria se aventurar e experimentar.

Você é misantropo, tudo bem. Mas você ainda não pode ficar isolado na torre como eu faço. E eu tenho plena consciência de que poderia evoluir como ser humano, e ter mais diversão, se interagisse mais com outras pessoas. Mas como ando feliz e satisfeita, me dou o direito de viver dias misantropos. Quem não está feliz e satisfeito não tem esse direito, tem que ir pra rua.

Enxerida como sempre, já me sinto no direito de te dar ordens. Sua missão neste ano é vencer a timidez e se arriscar mais na interação com as pessoas. Você vai flertar mais, sair com mais gente, procurar algum tipo de atividade que tenha contato com outras pessoas. Seja um hobby, cursos, trabalho voluntário, caminhadas ou sessões de ginástica em parques. Você vai ver gente e vai conversar com as pessoas.

Meu Deus, por quê??

Porque timidez é uma deficiência que precisa ser vencida.

Timidez não é característica de personalidade. Ser quieto, ser silencioso, não disputar o centro das atenções, isso tudo bem. Quando você faz essas coisas porque não quer falar, porque o assunto não lhe interessa ou as pessoas não lhe interessam (90% do tempo quando se é misantropo).

Outra coisa é estar quieto e silencioso por medo de falar. O medo é a deficiência que precisa ser vencida. Não ir falar com a garota ou não dizer algo que você queria dizer por medo de ser julgado, desprezado. Isso não. Qualquer um pode falar com qualquer um, ainda mais quem sabe que é uma pessoa incrível não precisa ter medo de falar com ninguém. Você não vai ter medo de falar com garçom, com funcionário, com policial (que não esteja em modo violento). Com as mulheres cheguei a pensar em te mandar abordar desconhecidas, mas achei que já era demais. Você vai ter que desenvolver diálogos com conhecidas que você achar interessantes. Sem precisar ter um objetivo romântico, só por conversar mesmo. Se rolar, rolou. Senão, você está treinando pra vencer a timidez.

Entendeu minha armadilha, não? Primeiro fiz você reconhecer que é uma pessoa incrível. E pessoas incríveis não precisam ter medo de falar com os outros.

Você deve ter lido o post que indiquei sobre timidez. Experimente alguma técnica, ou só se sinta desafiado e aja diferente. Mas aja. Experimente. Passe vergonha. Dê risada. Mas tem que viver, você tem que ir viver. Faz parte do seu aprendizado experimentar a vida, ser humano significa se relacionar com outras pessoas.

Dizem que o que procuramos é um sentido para a vida. Penso que o que procuramos são experiências que nos façam sentir que estamos vivos…

Joseph Campbell

No próximo post falo dos outros assuntos do email.