(Como ser) ruiva descabelada

Eu sou ruiva faz muito tempo. De vez em quando volto a ficar morena, mas reconheço que meu estado normal é o ruivo.

Sou uma ruiva descabelada, que não consegue frequentar salão. Se você é do tipo que consegue, o salão resolve seus problemas. Vou compartilhar aqui minhas life hacks que me ajudam a ser ruiva, mesmo sem frequentar salão, gastando pouco, e gostando bastante do meu cabelo imperfeito. Na verdade, hoje em dia considero meu cabelo meu principal patrimônio. Não preciso de muita maquiagem, às vezes dá até pra sair sem maquiagem. Não preciso de acessórios ou de roupas especiais. Se eu acho que meu cabelo está bom, estou em paz comigo.

Por exemplo, eu no Kruger, África do Sul, quase nada de maquiagem, raízes escuras já, mas feliz com o meu cabelo  a ponto de tirar um selfie (out/17)

Acho que qualquer pessoa pode ser ruiva. Imagine, meu cabelo é de japonês, totalmente preto. Depois de uns dois anos pintando quase todo mês, usando água oxigenada 40, a cor começou a ficar bem mais pro vermelho do que o marrom ou berinjela. Mas isso porque eu sempre pintei sozinha, no salão eles conseguem de primeira. O cabeleireiro vai avaliar seu cabelo, talvez ele até faça um teste, e se a cor não pegar, vai te oferecer pra descolorir.

Descolorir não estraga o cabelo? Estraga. Estraga bastante. Mas ele pode oferecer pra descolorir por pouco tempo, e daí estraga menos mas a cor não vai ficar tão no tom vermelho. Ou, posso te falar: eu já descolori bastante o cabelo e sobrevivi. Em janeiro de 2016 meu cabelo estava preto. Decidi voltar a ficar ruiva, fui pra um salão e descolori bastante. O resultado fica ótimo na hora, mas o estrago está aqui até hoje, e é algo que eu aceito. Com o passar dos meses você vai cortando, mas como eu queria ter cabelo comprido, até hoje tenho uns pedaços bem ásperos e ressecados. Mas tenho descoberto produtos que melhoram muito o cabelo.

Em 1/jan/16 eu estava com o cabelo preto
Quis voltar a ser ruiva, fui pra um salão, ele descoloriu bastante. Esta foto foi no salão, cabelo descolorido mas ainda sem tinta. 8/jan/16
Depois de pintar e passar os cremes ficou assim. 8/jan/16. Eu achei esse tom de ruivo bem legal, e gostei do serviço do salão. Só não passei a ir lá sempre, apesar de ser perto de casa, porque sou uma capricorniana mão-de-vaca (redundância em termos), e misantropa, então sempre tento depender o mínimo possível de ter que ir a algum lugar ou pagar alguma coisa.

1 – Máscara toda semana faz uma diferença enorme nessas partes ressecadas. Dizem que a touca é optativa, mas como em geral estou sozinha, não tenho problema em colocar uma touca de material térmico (mas não que liga na tomada, é só um material prateado que ajuda subir um pouco a temperatura, e eu fico parecendo um Toad), e fico uns 20 minutos com ela. Muda muito a textura do meu cabelo. As favoritas são da Forever Liss. Gostei bastante de uma que era pra pós-progressiva, um pote branco. (Nunca fiz progressiva, meu cabelo é liso naturalmente. Sei que o fato de existir algo chamado alisamento japonês faz as pessoas dizerem que os japoneses têm cabelo encaracolado e alisam). E também uso um chamado Desmaia Cabelo, um pote rosa, mas acho que essa pós-progressiva tinha mais efeito. Agora comprei a Bomba de Chocolate, que dizem ser pra cabelo cacheado, mas vou ver como fica no meu.

2 – Leave in, da Forever Liss também. Vocês sabem: minhas atividades favoritas são fotografar natureza, fazer snorkeling. Tento restringir ao mínimo minha manutenção feminina. Unhas curtas sem esmalte, maquiagem é lápis de olho e às vezes batom ou só brilho. Me depilo sozinha, não frequento salão, não faço mais tratamento pra pele na Anna Pegova. Mas descobri que leave in de marca boa faz diferença e vale a pena. E a tal máscara toda semana também faz diferença. Já usei os leave in Desmaia Cabelo, Banho de Verniz, Banho de Verniz de Morango.

3 – Vinagre de maçã pra selagem capilar, também da Forever Liss.  Descobri uns dias atrás, a vendedora me recomendou, eu confiei, e vale a pena. Meus pedaços de cabelo estragados mudam de textura na hora.

4 – Shampoo Color Red, da Forever Liss. Bem que eu podia ganhar alguma coisa por toda essa propaganda (ou talvez seja anti-propaganda, depende o que você acha do meu ruivo descabelado). Comprei junto com o vinagre de maçã. Qualquer ruiva sabe que o cabelo vai desbotando ao longo das semanas, dia a dia. Esse shampoo realmente dá um up na cor.

Shampoos e condicionadores: esses eu ainda não achei nada pra fidelizar. Experimento diversos, esses de farmácia não muito caros, e tento comprar os pra cabelos coloridos, que em geral têm queratina. Não tenho coragem de comprar shampoos de R$ 100. Acho que o que mais faz diferença é o leve in e a máscara. E agora esse shampoo com cor.

O outro produto que está nessa foto, e que também considero Life Hack pra quem tem cabelo oleoso, é o dry shampoo da Batiste. Ele é muito bom. Já experimentei de outras marcas, essa é a melhor. A embalagem de 150ml está uns R$ 22  – R$ 29. Na internet você verá a R$ 11, mas é a de 50ml, não vale a pena. Aplico a menos de 30cm (eles mandam ser a 30, mas achei melhor mais perto), massageio, o cabelo fica ótimo. Não é como se você tivesse acabado de lavar, mas muda bastante, tira muito da oleosidade.

Os produtos da Forever Liss não são caros, dá pra comprar pela internet e pesquisar o melhor preço. Eu comprei os meus numa dessas lojas grandes populares, na Lapa, porque estava por lá. O shampoo é uns R$ 24, o leave in estava em promoção por uns R$ 14, o vinagre foi mais caro, R$ 44, mas é grande. A máscara estava… acho que uns R$ 25 também.

Eu sou ruiva descabelada e desnaturada. Não basta eu mesma pintar e tratar o meu cabelo, eu também corto. Quer dizer, o maravilhoso Charles da Retrozaria faz um corte desestruturado ótimo, mas em vez de eu voltar lá depois de 4, 5 meses, é comum eu mesma picotar meu cabelo, principalmente as pontas mais ressecadas, e essa é a situação atual. Estou gostando dele assim. Em algum momento vai me dar uma aflição e volto pro Charles.

nov/2017, antes de eu mesma cortar as pontas mais ressecadas
foto feita hoje, 25/jan/18. Na semana passada eu mesma cortei as pontas mais ressecadas. E aqui também foi depois de usar o shampoo color red, mas não é pra comparar as duas fotos. Entre essas duas datas eu tinha pintado de novo no cabelo. O certo seria ter feito uma foto antes de usar o shampoo, mas não fiz.

É claro que indo mais a salão, pagando alguém pra cortar seu cabelo, você terá um resultado profissional. Mas se você quer um mix, ou no mínimo poder ir menos vezes ao salão, queria compartilhar as dicas desses produtos que fizeram diferença pra mim.

Sobre a tintura, costumo usar Koleston ou L´Oréal, sempre com água oxigenada 40 volumes. Já usei esses vermelhos super intensos, mas não gostei do resultado, achei que ficou muito forte. Então tenho usado acaju acobreado ou alguma outra cor meio dourada, misturado com um pouco do vermelho. Li num blog de uma outra ruiva a dica de usar o loiro, aquele bem claro, misturado com vermelho, se você quiser um ruivo pro tom de laranja. Já testei, mas como meu cabelo é preto, sem descolorir não chega, sempre fica mais pro cobre, mas na verdade gosto bastante do cobre.

meu cabelo quando usa tinturas mais pro mel, dourado
Quando uso só os vermelhos intensos, sem misturar com outras cores. Não gosto tanto.
Quando está bem vencido, com mais de 40 dias sem pintar, bem desbotado embaixo, raízes escuras… ainda assim, é comum eu receber elogios justamente nessa fase. Sobre a parte mais escura perto da nuca, o meu sempre fica, mesmo no dia que pinto. Já li outras ruivas falando que têm o mesmo problema.
no meu aniversário de 41 anos, agora em janeiro, selfies no sofá depois de voltar de jantar com muito vinho e boas companhias
Ainda sem o vinagre de maçã. com o vinagre diminui bastante o ressecado.

E caso você esteja curioso ou curiosa, esse monte de posts tem a ver com uma tendinite na mão direita. Estou fazendo fisioterapia e o médico disse que posso continuar trabalhando, mas decidi aproveitar o embalo pra me desconectar um pouco da edição de fotos, trabalhos passarinheiros, até mesmo os desenhos.  Tem chovido demais e é alta temporada, ruim pra passarinhar ou fazer snorkeling. Começando a estudar a máquina de costura que ganhei da Rosemarí. Já assisti a vários vídeos, mas concluí que preciso de uma professora particular. Ah, e não acho que o post sobre ser ruiva seja futilidade, estou sempre falando sobre cuidar de você e gostar de você, quis compartilhar algo que faz eu gostar mais de mim.